quinta-feira, 1 de maio de 2008

PRAIAS - A cor da areia açoriana

Um comentário sobre a cor da areia da Praia do Porto Pim levou-me hoje a dissertar sobre a cor da areia açoriana, uma vez que em Lisboa habituei-me a ouvir que a areia nos Açores era preta por ser vulcânica, duas afirmações frequentes mas em parte incorrectas.

Primeiro, como expliquei no mesmo post e relativo ao istmo do Monte da Guia, a areia é uma rocha sedimentar e não vulcânica, embora nos Açores as rochas que serviram de origem aos grãos de areia sejam, na sua grande maioria, de origem vulcânica. Mas estas também muitas vezes não são pretas, nos Açores até predominam vários tons de cinzento e ainda existem cremes e avermelhadas, entre outras cores mais raras, mas isso pode dar motivo para outra mensagem futura.

Por isso, mesmo nos locais circundados de basalto negro, a areia nos Açores raramente é negra, na foto acima da Praia do Almoxarife, Faial, podem ver o contraste da areia escura com dois blocos quase pretos. Esta situação deve-se não só ao facto da areia incorporar grãos de rochas de cores diferentes, como ainda conchas e fragmentos que são na generalidade claras.


Nesta foto pode-se ainda ver junto à Praia do Almoxarife, calhaus rolados - outra rocha sedimentar - que aqui são de um cinzento mais claro que o da areia. No Verão toda esta baía fica coberta de areia tornando-se numa das praias mais bonitas da ilha, com uma bela vista para a montanha do Pico.
Já agora esclareço, embora os Açores não atinjam calores tão intensos como no Continente e no Brasil, a areia é muito quente, pois a cor escura absorve calor, por isso, quando puderem, aproveitem os bons banhos de praias como esta.


Na Praia do Porto Pim a areia tem este tom claro e ligeiramente creme, devido à grande percentagem de conchas, o que mostra que mesmo no Faial, a escassos quilómetros, as praias podem ter tonalidades muito diferentes. Esta é, na generalidade, uma das praias de águas mais calmas que conheço, óptima para quem vem acompanhado de crianças.

Nesta praia, situada na Fajã da Praia do Norte, a areia volta a ser relativamente escura, mas se olharem com atenção para o vosso lado direito podem reparar na tonalidade esverdeada, tal deve-se a um outro mineral, cor verde garrafa, chamado Olivina (Mg,Fe)2SiO4 muito abundante nesta praia, mas esta olivina é muito especial...

A Olivina resulta da mistura de dois silicatos: forsterite com magnésio (Mg) e FAIALITE com ferro (Fe), este último nome, precisamente porque foi próximo desta praia onde se encontrou em estado "puro" a variante de olivina rica em ferro, logo esta praia é esverdeada devido à faialite do Faial.

Nota: Clique nas fotos para as ampliar

6 comentários:

Pedrita disse...

nossa, adorei o post. eu não sabia que em açores tinha uma praia de areia preta, muito menos o motivo da cor da areia. no brasil temos vários tipos de areias mas todas claras. brancas finas, bege grossas, bege compacta, eu acho fascinante a variedade das areias. em guarujá por exemplo, a cada lado da ilha encontramos gramaturas diferentes de areias. acho fascinante que uma mesma região tenha tanta diversidade da natureza. beijos, pedrita

Anónimo disse...

As coisas que a gente aprende aqui. Louvado...
Olhe, sr Geocrusoe, já posso dizer aos meus amigos que fui ao Pico e piquei-me.
E fui ao Faial e tive faialite.
Cumprimentos.

Patriota d'uns actos

geocrusoe disse...

à pedrita
apenas utilizei como exemplo prais que estão na ilha onde moro, mas dentro destas tonalidades e com granulometria e dimensão variada, também existem praias noutras ilhas dos açores; em santa maria tendem a ser mais claras, no norte de são miguel escuras, noutros locais do mundo poderão existir tonalidades ainda diferentes, como rosadas, dependendo da cor das rochas e conchas de onde provieram os grãos.

geocrusoe disse...

ao Patriota d'uns actos... lá isso se pode dizer

Anónimo disse...

É um orgulho ser Faialense, poder mostrar ao mundo as nossas belezas naturais, como é o caso das nossas belas praias.
Mas para sentir o calor destas areias e a brisa marinha, só mesmo passando por cá.São todos bem vindos.

nanda disse...

A variedade de areias também é bastante grande na ilha de São Tomé( os bancos de corais influenciam bastante,já o mesmo não se verifica em Cabo Verde, pelo menos nas duas ilhas que visitei.
Logo que reste um tempinho vou colocar as fotos das praias de São Tomé.