segunda-feira, 6 de agosto de 2007

SEMANA DO MAR 2007 SEA WEEK : Feira do Livro

Comecei esta edição da Semana do Mar pela Feira do Livro.
O meu gosto por visitar livrarias, perder-me no tempo a folhear potenciais candidatos à compra ou a inspeccionar os novos títulos (para ver os assuntos que estão na moda), normalmente não pode ser saciado na cidade da Horta. Onde as lojas que vendem livros não têm dimensão e diversidade suficiente que justifiquem o nome de livraria, embora me sustente com as frequentes saídas a outras terra. Por cá resta-me, sobretudo, a feira do livro da Semana do Mar.
Este ano a iniciativa da Casa da Cultura da Horta foi levada a cabo pela editora Calendário das Letras, a qual trouxe à Semana do Mar propostas de setenta editoras nacionais, vários milhares de livros, alguns deles mesmo em saldo e ainda uma vasta escolha de edições regionais. Estes últimos tanto podem mostrar obras literárias de autores locais, como ensaios e trabalhos de pesquisa sobre tradições, culinária, usos e costumes das ilhas ou uma divulgação mais profunda sobre a história e dados científicos sobre os Açores.

A Feira do Livro na Semana do Mar é uma oportunidade a não perder para aqueles que gostam de saber mais ou gostam do prazer de ler e uma das poucas oportunidades que têm de terà sua disposição localmente: quantidade, diversidade e qualidade.

6 comentários:

jose quintela soares disse...

Hoje em dia a situação não é tão "dramática" como no passado...
A Internet veio resolver esta complicada questão de total ausência de uma livraria digna desse nome por estas paragens.
Mas uma "Feira do Livro" dá sempre oportunidade de comprar uns exemplares que não adquirimos na altura em que sairam.

Carlos F.C.C. disse...

Aqui em S. Miguel, também está a haver uma feira do livro á já algum tempo, mas no que diz respeito á divulgação de dados cientificos sobre as nossas ilhas, o saldo é zero, não existe nada que nos fale do nascimento, desenvolvimento e maturação das nossas ilhas (geovulcanicamente falando).
Pedia-lhe, se não fosse muito incomodo, para me dar algumas referencias afim de que, eu aqui possa procurar sobre este assunto fascinante.

geocrusoe disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
geocrusoe disse...

Ao José Quintela
O mais interessante para mim nesta feira é a reunião de livros regionais com proveniências das várias ilhas, porque saio muitas vezes até S Miguel ou Lisboa e tenho acesso às melhores livrarias... mas para quem sai pouco, a diversidade e quantidade da feira é uma excelente oportunidade.

A Carlos
Infelizmente sobre S. Miguel pequenas publicações sobre a geologia desconheço (podem existir mas não procurei) o que conheço são coisas complexas como teses e comunicações científicas... mas se descobrir informo-o. Além disso, dentro de uns meses a página do cvarg diz que vai começar a colocar assuntos de divugação científica nos seus conteúdos, embora nestes dias eu não tenha falado pessoalmente com a professora Gabriela, para saber a tipologia dos temas, com o tempo vai ter informação disponível para si, lá ou aqui e quiçá a indicação de algum livro. É uma questão de paciência.

Rui Luís Lima disse...

olá geocrusoe!
as feiras do livro possibilitam-nos o encontro com os chamados livros de fundo de catálogo que raramente se encontram nas livrarias ou mesmo na net, muitas vezes encontro verdadeiras "raridades" a um preço quase simbólico. infelizmente as editoras continuam a não apostar no formato "paperback", como fazem os editores estrangeiros. O prazer de o meu bolso compartilhar o espaço com esses livrinhos é uma verdadeira delícia.
um abraço cinéfilo

geocrusoe disse...

Pois, a falta de paperback faz com que eu frequentemente compre edições em inglês, em vez de comprar traduções em português, é que o preço também conta.