segunda-feira, 16 de julho de 2007

ILHAS E TERRAS DOS AÇORES: escultura da lava em Ponta Delgada

Há longos anos que tenho forte ligações a Ponta Delgada, a maior cidade açoriana. A técnica do garimpeiro é a melhor forma de descobrir os tesouros desta urbe, vageando com calma na baixa citadina, numa rua onde tudo parece incaracterístico ou mesmo degradado, pode estar um diamante de primeira água arquitectónica, um templo ou uma casa particular. É assim esta cidade, cheia de contrastes, entre os imóveis simples estão monumentos que ostentam magníficos rendilhados de rocha vulcânica e não conheço outra terra onde esta arte de trabalhar as dádivas dos vulcões tenha atingido nível tão alto como Ponta Delgada. (clique para aumentar)
Igreja do Colégio: uma fachada barroca onde a lava traquítica foi a matéria-prima principal

Igreja da Conceição: rendilhados em lava básica (basalto a havaíto)

O Manuelino da Matriz: calcário importado na porta principal, basalto esculpido e ignimbrito nas molduras

Complexo de imóveis do Museu Carlos Machado - novos rendilhados de lava másica

Pormenor das janelas no complexo do Museu

A facilidade de trabalhar o traquito é proporcional à susceptibilidade à erosão, mas depois de um restauro...

Pormenor basáltico/havaítico sobre o topo de um portão no museu

Mas Ponta Delgada tem muito mais em ruas escondidas, em pormenores de fachadas de casas e em reflexos de estilos arquitectónicos de épocas diferentes...

5 comentários:

Basalto negro disse...

Para geólogo, tens um apurado sentido de estética. Parabéns pela reportagem fotográfica.

geocrusoe disse...

Já expliquei que se pode ser de ciências e ter-se sensibilidade no meu post sobre a Montanha do Pico. Não sei se é apurado o meu sentido de estética, mas não tenho complexo de dizer que adoro música, literatura, pintura, arquitectura... e quando me senti isolado para trocar conhecimentos de geologia,(agora chegou mais um geólogo ao faial e que gosta desta ciência mas manterei o título crusoe por já estar instalado) foi o campo cultural que colmatou esse isolamento.Mas obrigado pelo elogio pois isso dá-me ânimo para continuar

Anónimo disse...

Meu Mestre, no geral apreciei bastante revisitar este blogger.Em especial apreciei as fotografias e as "sensibilidades" que lhes são inerentes...Cumprimentos à Senhora sua mãe e muitos parabens, vou estar mais atento. FMR

Carlos F.C.C. disse...

Geocrusoe, quando vier cá á nossa terra, tem que ir á cidade da Ribeira Grande, quase todos os seus edificios tem algo a descobrir.
Sugiro, em especial a igreja de Nossa Senhora da Conceição(Sagrado Coração de Jesus), a forma da sua fachada, é simplesmente...
Tem que a ver, as mãos das nossas gentes são guiadas pela fé, e arte sobressai

Anónimo disse...

Excelente!Altas fotos com comentários informados!