segunda-feira, 16 de agosto de 2010

BANHOS ENTRE AZUL E VERDE

Após várias obras de reparação no porto da Boca da Ribeira, agora já em fase de conclusão, a minha zona balnear predilecta voltou a estar bela e agradável como antigamente.

Assim, num fim-de-semana com um excelente tempo, não admira que tenham regressado as condições balneares ideais ao porto desta freguesia da Ribeirinha.

Águas azuis, calmas, límpidas, com uma temperatura próxima do tropical e num local pouco exposto, o que a protege da invasão excessiva de veraneantes.

Tudo isto diante da costa leste do Faial perante o Pico em frente e São Jorge a espreitar a norte, bem no coração do Triângulo...

e ainda numa zona intensamente arborizada, tingida de vários tons de verde e fonte de ar puro, com um património construído singular e um ambiente relaxante.

São paraísos destes que me interditam a saída da ilha do Faial no Verão, que tornam o Triângulo uma maravilha única nos Açores e me garantem um fim-de-semana de sonho à porta de casa.

8 comentários:

Pedrita disse...

que fotos lindas. parecem com umas praias da bahia. beijos, pedrita

geocrusoe disse...

e o local é ainda mais belo e permanece calmo e puro.

ematejoca disse...

Tenho estado toda a manhã a contemplar as belas fotografias do seu paraíso, geocrusoe.
Aqui o Verão já se despediu.
Como eu gostava de dar um pulo até aos Açores e viver um fim-de-semana de sonho.

geocrusoe disse...

@ ematejoca
Pois por cá continua um belo Verão, quente e seco. Mas penso que é só nas ilhas mais ocidentais, em S. Miguel o Verão tem sido mais tímido.

César Escobar disse...

Desculpem lá os veraneantes, mas o verão já vai quente e seco demais, mesmo se considerarmos que seria a justa compensação pelo do ano transacto ...
Quanto ao bucólico recato do local, acho que a divulgação no geocrusoe será contraproducente ...

geocrusoe disse...

@César
Sobre o primeiro ponto aconselho-te a ler o Incentivo de amanhã, pois falo do tema.
No segundo, tendo em conta que não há unanimismo, nem na Junta, fico na minha ;)

miguel valente disse...

Porto Covo antes da música do Rui Veloso era um paraíso, agora existem mega urbanizações para veraneantes. Se gostas desse porto como está aconselho-te a não fazeres muita divulgação, senão arriscas-te a que o teu pequeno paraíso com pouca gente se transforme num local tipo piscinas do Varadouro...

geocrusoe disse...

Não me preocupo que vá lá gente, mas sim que quem vá não saiba comportar-se e perturbe o descanso dos outros com colunas de rádios e outros gadgets em altos berros, faça barulhos excessivo ou suje a água, etc. Esses, por norma, não são os frequentadores deste blogue. O que é bom deve-se partilhar, até porque se pedem dinheiros públicos para criar condições num espaço de lazer, não se deve esconder dos contribuintes de usufruirem aquilo que os seus impostas pagam.
Grandes investimentos ali são improváveis, porque falta espaço e condições de segurança com a falha geológica e a ribeira.