domingo, 13 de março de 2011

Japão: sismo reactiva o vulcão Shinmoedake?

Num repente parece que todas os grandes riscos geológicos se abatem sobre o país do Sol Nascente, hoje na ilha Kyushu, a mais a sul das quatro maiores ilhas Japonesas, recomeçou a erupção do Shinmoedake, este vulcão já estivera em actividade no mês passado de Janeiro e estava calmo desde o final de Fevereiro.


O Vulcão Shinmoedake em Janeiro passado

Embora distante de Sendai, o epicentro do terramoto do dia 11, a verdade é que um grande sismo pode desencadear a reactivação de um vulcão activo, isto por várias razões:
1 - A vibração sísmica pode agregar (coalescência) as bolhas dos gases dissolvidos na câmara magmática, o que aumenta a pressão para uma explosão vulcânica (é o agitar duma garrafa de bebida com gás, favorece a saída de espuma se não estiver bem rolhada);
2 - A vibração pode provocar correntes convectivas dentro da câmara magmática (fornece energia, tal como o calor na sopa dentro de um tacho);
3 - O sismo pode abrir fissuras no aparelho vulcânico, originando uma conduta por onde o magma pode sair (é o destapar a garrafa sobre pressão, o líquido gaseificado jorra);
4 - O sismo pode provocar escorregamentos das paredes de um cone vulcânico, tal reduz a espessura de rochas e a pressão que continha o magma em profundidade (é o adelgaçar as paredes da garrafa cheia de um líquido com gás, esta pode explodir pela zona fragilizada).

Assim, não se pode dizer que o Shimoedake entrou em erupção devido ao terramoto, mas não se pode dizer que não haja uma relação causa - efeito, até porque o vulcão tinha estado instável há muito tempo e pode ter sofrido mais uma perturbação na sequência da actividade sísmica no arquipélago.

6 comentários:

Pedrita disse...

muito triste o que vem acontecendo no japão e a situação das usinas nucleares só me preocupam.

geocrusoe disse...

Ainda tenho esperança que ao nível das centrais nucleares os japoneses consigam controlar a situação.
Já no que se refere aos danos do maremoto, os meus piores receios estão a concretizar-se, infelizmento.

Mar de Bem disse...

As centrais estão a aquecer demasiado...Vai ser um caso sério.

Estes japoneses recuperaram da destruição da 2ª Guerra Mundial. Vão recuperar agora!

Admiro as estruturas com rótulas (tipo joelho) que eles inventaram para ligar as fundações dos edifícios à restante estrutura. Por isso os edifícios "dançam" desalmadamente e não caiem. FABULOSO!
Já em relação aos maremotos, a coisa não está estudada o suficiente.

Mas, eu admiro este povo que nunca baixa os braços...

geocrusoe disse...

Infelizmente estão a passar por um momento muito difícil com várias ameaças em simultâneo. Espero que as coisas não atinjam uma situação pior do que já está.

Pedrita disse...

sim, eu tenho pensado que infelizmente vc tinha razão.

geocrusoe disse...

Infelizmente é verdade, as minhas suspeitas sobre os efeitos do maremoto estão a concretizar-se