sexta-feira, 30 de agosto de 2013

A magia da Música passou novamente pelo Varadouro

A tradição do concerto de música erudita na quinta-feira da festa do Varadouro dentro da ermida de Nossa Senhora da Saúde regressou com o bom gosto, brilhante seleção musical e promoção de artistas ligados aos Açores e à direção artística a que Kurt Spanier nos habituou.
Este ano os instrumentos escolhidos foram a flauta, brilhantemente interpretada de novo neste sarau por Rodrigo Lima, a trompa, pelo estreante nesta tradição Buddy Robson e o órgão, pelo já conhecido e experiente professor Gustaaf van Manen, que tocaram obras de Rossini, Sweelinck, Valentine, Bach, Seixas, Mozart e Bach. 
O concerto começou com a originalidade para este tipo de sarau: um encontro para a caça de Rossini interpretado no exterior da ermida e fazendo lembrar o ambiente e o espírito da chamada para a floresta dos seguidores das dávidas de Diana, mas não foi menos belo o larghetto do concerto n.º 3 de Mozart para este instrumento.
Se o órgão foi rei várias vezes ao longo da noite, foi magnífico com obras de Carlos Seixas, este genial músico português num dos campos em que foi mestre e brilhantemente interpretado.

A flauta na sonata VII de Telemann foi encantadora, mas para mim a magia viveu-se com a sonata em sol menor BWV1020 de Bach... magnífico e mostrou bem as capacidades de Rodrigo Lima, o conhecimento do estilo musical do período barroco e o entendimento dele com o seu professor... foi mesmo muito bom!
No final fomos presenteados com os quatro músicos deste evento num rearranjo do Panis Angelicus de Cesar Franck, onde Kurt mostrou ainda a pujança da sua voz e de como é capaz de propor novas orquestrações para obras famosas, onde todos ficam a ganhar com a experiência... até os garajaus vieram juntar-se ao banquete deste Pão dos Anjos e juntaram os seus cantos noturnos tão típicos da natureza estival dos Açores.
Uma noite mágica e obrigado a todos.

1 comentário:

Pedrita disse...

gosto muito de rossini, bach nem se fala. deve ter sido um belo concerto. beijos, pedrita